2005-12-06

O « Debate »

Viram o debate ? A Alegre Cavaqueira como ouvi hoje referir na rádio, com muito humor mas pouco tino ? Porque, de facto, não foi cavaqueira, nem alegre.
Eu aguentei até ao intervalo, largos minutos portanto, posso mesmo dizer que vi praticamente tudo, só que não foi um debate, foi uma dupla entrevista, não simultânea mas alternada.
Parece que o modelo americano de debates entrou para ficar: O fundamental é o tempo, o que é importante e democrático é que ambos os candidatos falem o mesmo número de minutos e segundos. As emoções próprias de um debate, o “espírito” ou a “presença de espírito”, já não são valores a considerar, apenas a capacidade que cada um demonstra de dizer qualquer coisa, com um mínimo de sentido, em x minutos e y segundos, é preciso reduzir os debates a um concurso, a um “quiz show”.
Ah que saudades do: “olhe que não, olhe que não !”.